Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

OURIQ

Um diário trasladado

OURIQ

Um diário trasladado

25
Set19

Somos todos meritocratas, certo?


Eremita

lead_720_405.jpg

Sabemos que o capitalismo é indissociável da competição e que há duas formas de o atacar apontando baterias à competição. A forma radical é defender o fim real das assimetrias de berço que tornam a competição injusta. Mas uma sociedade baseada numa competição absolutamente justa seria uma distopia em que cada geração não teria herança, memória, família ou diversidade genética, e acreditaríamos na metáfora de que o corpo e a mente são conduzidos pela alma, como numa corrida de carros idênticos em que só o talento do condutor e o acaso fazem a diferença. Obviamente, ninguém quer viver neste mundo, nem sequer o comunista mais puro. O comunismo, a social-democracia, o Estado social, etc. são apenas soluções de compromisso imperfeitas para lidar com este problema. A outra forma, mais branda, é questionar o benefício social da competição, fazendo passar as ideias de que lemos Darwin mal pois encontramos na natureza inúmeros exemplos de cooperação e de que o excesso de quantidade pode desvirtuar a qualidade, isto é, que o culto da competição criou distorções descritas na literatura especializada pelo princípio de Mateus: “aos que tudo têm, mais será dado; aos  que nada têm, tudo será tomado”. Vem isto a propósito de um artigo sobre a meritocracia publicado na The Atlantic.  Quem preferir consumir esta informação enquanto lava a loiça, pode ouvir a conversa entre o autor e Ezra Klein, esse perigoso esquerdista.  "Meritocracia" é, de longe, a minha palavra preferida, pela sua curiosa origem e pelas contradições irresolúveis que encerra, pois trata-se de um termo que liberta e oprime. Como o montado não dá tréguas, não me alongarei mais, mas um dia escreverei sobre o tema. Tenho já um título, "A meritocracia histérica" (uma paráfrase de um termo inventado pelo crítico James Wood), e as pessoas vaidosas sabem bem que, por vezes, um título catita é a principal motivação para escrever o texto ou mesmo a única. 

 

f7021a31b.jpg

 

8 comentários

Comentar post

Pesquisar

Comentários recentes

  • Eremita

    Bem, eu tinha a certeza de estar a escrever o que ...

  • Anónimo

    Até as piadas lhe andam a sair ao lado. O post sob...

  • Kruzes Kanhoto

    Ferro é um figurão grotesco da nossa democracia. H...

  • marina

    os inquéritos dos "vitorianos" tipo confissões e ...

  • Anónimo

    Eremita: só vi depois mas concordo muito com o JPP...

Links

WEEKLY DIGESTS

BLOGS

REVISTAS LITERÁRIAS [port]

REVISTAS LITERÁRIAS [estrangeiras]

GUITARRA

CULTURA

SERVIÇOS OURIQ

SÉRIES 2019-

IMPRENSA ALENTEJANA

JUDIARIA

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D