Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

OURIQ

Um diário trasladado

OURIQ

Um diário trasladado

04
Fev17

Para perceber os EUA


Eremita

Vivi seis anos em Nova Iorque, nos primeiros dois anos como bolseiro português e depois a pagar os impostos que financiaram a Operation Iraqi Freedom. Em parte por causa dessa guerra, comecei a escrever nos blogs no desaparecido Blogue de Esquerda (como convidado) e depois num blog individual, o A Memória Inventada, que encerrei no princípio de 2008, pouco depois de regressar a Portugal. O meu convívio em Nova Iorque foi sobretudo cosmopolita, isto é, entre expatriados, incluindo muitos portugueses, europeus, indianos e sul-americanos. Devo ter conhecido bem cerca de uma dezena de norte-americanos, incluindo duas namoradas e sem contar com Joe, um dos porteiros do meu prédio e pothead desde os anos 70, com quem tive inúmeras conversas de circunstância. Em seis jantares de Thanksgiving, só um foi passado num lar norte-americano, o que dá uma medida da minha falta de imersão na cultura norte-americana WASP (os brancos, anglo-saxões e protestantes). Naturalmente, creio ainda assim ter absorvido por difusão passiva parte da mundivivência de um norte-americano, que é profundamente diferente da do português no modo como se relaciona com o trabalho, o Estado e a democracia representativa. Mas jamais utilizei ou utilizarei os meus anos de vida em Nova Iorque como argumento de autoridade para escrever sobre os EUA, com excepção que passo a concretizar. Apesar de Pacheco Pereira, um cronista muitos furos acima da média, também o que se escreve sobre Trump começa a ser dominado pelo fenomenal João Miguel Tavares, o caso de sucesso mediático mais intrigante dos últimos anos, pelo que a seguinte recomendação me pareceu pertinente: se querem acompanhar e perceber a política norte-americana, ouçam todas as sextas o The Political Gabfest

1 comentário

Comentar post

Pesquisar

Comentários recentes

  • ...

    Sobretudo parando de publicar lixo como Javier Cer...

  • caramelo

    É magnífico. É uma pena que muitas pessoas não ten...

  • Anónimo

    Eremita: sobre as cenas complexas da política naci...

  • Anónimo

    A Cristina Miranda é o Gustavo Santos dos liberais...

  • Anónimo

    Não chores, Eremita.

Links

WEEKLY DIGESTS

BLOGS

REVISTAS LITERÁRIAS [port]

REVISTAS LITERÁRIAS [estrangeiras]

GUITARRA

CULTURA

SERVIÇOS OURIQ

SÉRIES 2019-

IMPRENSA ALENTEJANA

JUDIARIA

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D