Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

OURIQ

Um diário trasladado

OURIQ

Um diário trasladado

11
Jul19

O indiscreto charme do negro reaccionário


Vasco M. Barreto

Anda por aí muita gente fascinada com o artigo do Dr. Gabriel Mithá Ribeiro (GMR) que o eremita já citou. Na caixa de comentários, dizem que o homem escreveu um "tratado". João Miguel Tavares, apesar de o criticar, aproveita para elogiar a originalidade do pensamento de GMT. E até o Plúvio ficou em êxtase. Parece que já vale tudo, desde que seja para malhar no "marxismo cultural" e nas suas figuras de proa, mesmo uma prosa algo tresloucada que toma por “usurpação cultural” a mera defesa de princípios consagrados em qualquer constituição moderna e na Declaração Universal dos Direitos do Homem, que a levar a sério iria atomizar completamente a sociedade. O texto que GMR escreveu é vergonhoso no seu radicalismo caricatural e individualismo para lá de Ayn Rand.  

A tragédia de GMR, que aparentemente os seus fãs ainda não toparam ou ignoram por conveniência, é ele ser a imagem espelhada do activista de esquerda branco que aplaude ou desculpabiliza acriticamente qualquer eventual pensamento radical de algum negro (por exemplo, Mamadou) como defesa da identidade ou algo parecido. Nesse sentido, o texto de GMR pode ser lido como uma autocrítica acidental.

Quando quero saber o que pensam intelectuais negros conservadores ou de centro, prefiro ler e ouvir Thomas Sowell, Glenn Loury, John McWhorter ou o jovem Coleman Hughes. Todos são capazes de produzir um pensamento estruturado e crítico sobre a “affirmative action” sem que denunciem o ódio e radicalismo de GMT que parece resultar de um ressentimento irreparável, talvez fruto de um excesso de pensamento sobre a identidade e de episódios de alegada discriminação. Salvaguardadas as distâncias, GMT lembra-me o filme The Believer, inspirado num caso real que terminou muito mal. Talvez por isso, creio que só por ignorância ou malícia se pode aplaudir GMT. Não, não vale tudo. 

4 comentários

Comentar post

Pesquisar

Comentários recentes

  • Anónimo

    Esse seu professor de medicina veterinária devia i...

  • marina

    o escritor que melhor encarna a França de hoje? o...

  • caramelo

    Tenho quase a certeza que concordo absolutamente, ...

  • Lowlander

    Pois amigo anonimo... vamos la a ver entao:Mesmo d...

  • Anónimo

    "A Humanidade consome proteina animal porque esta ...

Links

WEEKLY DIGESTS

BLOGS

REVISTAS LITERÁRIAS [port]

REVISTAS LITERÁRIAS [estrangeiras]

GUITARRA

CULTURA

SERVIÇOS OURIQ

SÉRIES 2019-

IMPRENSA ALENTEJANA

JUDIARIA

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D