Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

OURIQ

Um diário trasladado

OURIQ

Um diário trasladado

18
Abr19

AMBAR


Eremita

Screen Shot 2019-04-20 at 08.01.51.png

AMBAR s.m. ; do ¡r. anbar 1. Substância fossilizada que resultou da perda dos compostos voláteis de uma resina vegetal ancestral. 2. Paleontologia: nenhum mamute se levantou ainda dos glaciares, mas estão na moda as (pub) tentativas de ressurreição de espécies desaparecidas. A serem bem sucedidas, um género novo cortará transversalmente o grande edifício taxonómico: Lazarus s. Há toda uma fauna e flora com milhões de anos paralisada nos calhaus de âmbar, à espera do sopro vital. Infelizmente, a realidade tem sido pouco miraculosa. Por enquanto os cientistas vangloriam-se apenas de haver reavivado esporos de microorganismos, mas não se sabe ao certo se os esporos vieram do Mesozóico ou da mesa que alguém se esqueceu de esterilizar. 3. Cinema: o âmbar foi o ponto de partida para o filme Jurassic Park (1993), um clássico no género absurdo científico. Insectos que tiveram o último repasto no lombo de dinossauros e ficaram depois aprisionados na resina que se transformou em âmbar são uma fonte preciosa de ADN de dinossauro; do ADN renasceram depois os répteis gigantes. O dia chegará em que bastará soletrar o genoma para gerar o organismo, mas ainda não estamos lá. Outro detalhe aborrecido: quando os insectos foram preservados no âmbar os dinossauros já não existiam. E mais: não se percebe como ficaria preservado o sangue no âmbar, ao ponto de ser possível separar as células de dinossauro das do insecto por citometria de fluxo. Mais verosímil teria sido o isolamento do ADN de dinossauro juntamente com o do insecto, o que, de resto, abriria o leque de possibilidades narrativas. O problema é o filme The Fly (1986), que já explora a temática dos cocktails genómicos. Curiosamente, Jeff Goldblum, o actor de The Fly, aparece também em Jurassic Park. Coincidence? I think not.

Pesquisar

Pub e serviços

Screen Shot 2019-04-07 at 17.13.03.png

”Screen

Comentários recentes

  • Anónimo

    Confesso que me sinto fascinado por aquela prosa p...

  • Anónimo

    O facto de o senhor ser responsável pelo programa ...

  • caramelo

    Blablá sarabanda alucinante bláblá geração perdida...

  • caramelo

    Eremita, o presidente da CCDR é um gestor público....

  • Maria

    O costume. Tentam a ver se passa. É incrivel o d...

Links

WEEKLY DIGESTS

BLOGS

REVISTAS LITERÁRIAS [port]

REVISTAS LITERÁRIAS [estrangeiras]

GUITARRA

CULTURA

SERVIÇOS OURIQ

SÉRIES 2019-

IMPRENSA ALENTEJANA

JUDIARIA

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D