Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

OURIQ

Um diário trasladado

OURIQ

Um diário trasladado

14
Jun18

Aqueles que desiludem sempre


Vasco M. Barreto

Miguel Pinheiro acaba de fazer uma revelação que está a chocar o país: não podemos acreditar em Paulo Portas. Em 2018, o Observador avisa que não podemos confiar num indivíduo que na televisão afirmou convictamente não ter ambições políticas e viria depois a ser presidente de um partido, deputado e ministro; que não podemos confiar no ministro que, também na televisão, anunciou cheio de gravitas a "irrevogabilidade" da sua decisão de se demitir, para logo faltar à palavra, pressionado por dois homens que sempre desprezou, Cavaco e Passos Coelho; que, enfim, não podemos acreditar num indivíduo que é um exemplo caricatural daquilo de que se queixava o Barão de Teive (heterónimo de Pessoa), a saber: a impossibilidade de conciliar uma inteligência superior com o comportamento moral. Obviamente, a novidade não é a falta de credibiidade de Portas, mas a orfandade que Miguel Pinheiro deixa transparecer nesta extraordinária afirmação: "Paulo Portas conseguiu desiludir sempre". 

 

Ninguém tem uma segunda oportunidade para causar uma primeira boa impressão, mas do que precisamos mesmo é de uma outra frase batida para descrever os eleitos que têm a capacidade de desiludir sempre. Desiludir sempre... Este paradoxo sucede porque há gente com um poder de tipo encantatório ou hipnotizante sobre uns pobres coitados que encontram sempre forma de restaurar a esperança, como quem é reiteradamente atraiçoado pela mesma pessoa no amor ou os Miguéis da vida subjugados por uma figura carismática, contra quem pontualmente se revoltam mas a quem sempre regressam. Miguel Pinheiro intitula a crónica "O Meu Problema com Paulo Portas". É um título de grande rigor, que caracteriza uma parte substancial da direita lusa.

7 comentários

Comentar post

Pesquisar

Pub e serviços

Screen Shot 2019-04-07 at 17.13.03.png

”Screen

Comentários recentes

  • Anónimo

    https://www.scribd.com/document/27843291/A-Invasao...

  • Eremita

    Saí do Twitter, entre outras razões, por me parece...

  • Anónimo

    Eremita: o tipo fez-te uma simples pergunta, pouco...

  • P. P.

    Infelizmente, TRUE.

  • Eremita

    O Ouriq não precisa de trolls.

Links

WEEKLY DIGESTS

BLOGS

REVISTAS LITERÁRIAS [port]

REVISTAS LITERÁRIAS [estrangeiras]

GUITARRA

CULTURA

SERVIÇOS OURIQ

SÉRIES 2019-

IMPRENSA ALENTEJANA

JUDIARIA

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D