Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

OURIQ

Um diário trasladado

OURIQ

Um diário trasladado

15
Mar09

Cineclube


Eremita

 

O rapaz do cineclube acaba de chegar da capital. Vem triunfante.  Às 13 horas pirateou o Grand Torino, no Monumental Saldanha, e ainda hoje quer organizar uma sessão, que coincidirá com a sessão das 19:45 do mesmo Monumental. A diferença de dias entre a estreia de um filme em Lisboa e em Ourique nunca foi tão pequena. Ainda há em Portugal quem tenha brio na sua actividade. O entusiasmo do rapaz é tal que acabo de me fazer sócio do seu clube e dobrei-lhe a jóia, depois de ele me prometer que vai melhorar a captação do som e eliminar digitalmente a sua respiração, por vezes demasiado presente, a lembrar o Glenn Gould. Artistas...

 

Temos Clint Eastwood. Depois do thriller falhado que é Mystic River, depois do díptico de efeito fácil sobre Ywo Jima, depois do pastelão competente que é Changeling, eis um filme sobre redenção que recupera a magia de Perfect World, com o qual estabelece o paralelo mais óbvio. De certa forma foi um alívio, pois o trailer fazia supor que estaríamos perante um Dirty Harry na reforma, o que teria sido aborrecido. Ainda assim, [spoiler! Retomar em "Bruno"] a última cena é uma espécie de variação do "go ahead, make my day", em que a Magnum é substituída por um isqueiro.  Bruno Vieira Amaral, o melhor português a escrever de graça sobre cinema, apesar dos tiques de antropólogo, explica o resto e eu concordo com quase tudo.

 

O mais fascinante na noite de cineclube de ontem não foi o filme, foi mesmo o rapaz que anima estas sessões. Quando ele saltou para diante do projector, a instantes de começar o filme, passava a mensagem contra a pirataria, que de repente ficou partida entre as letras focadas na parede e as letras desfocadas na T-shirt e cara do miúdo. Foi nestas condições acidentalmente cinéfilas que ele arrancou a justificação da sua pirataria. E que emoção... Percebia-se ali uma retórica também cinéfila, retalhos de discursos épicos famosos (Citizen Kane, Braveheart, First Blood,  Mr. Smith Goes to Washington, To Kill a Mockingbird, Twelve Angry Men, Scent of a Woman, entre outros). Convenceu-me. Seria capaz de o perdoar se ele tivesse matado para que o cineclube sobrevivesse. E para o Verão prometeu um drive in clandestino, se alguém se chegar à frente com uma parede caiada em lugar remoto, pois ele assegura a projecção. Pensei logo no Cotovio. Ainda há por lá uma parede a prumo. O Cotovio pode vir a ser a minha Wonderland: um monte em ruínas, povoado por galinhas, com livros em tupperwares, um plátano frondoso que confundi com um castanheiro,  um poço que nunca seca, uma ribeira com peixe-rei, tiros de caça que quixotescamente interpreto como salvas de artilharia de um confronto distante  entre o exército de Napoleão e outro qualquer, uma parede caiada de fresco para projectar filmes pirateados em Lisboa e um sobreiro que se destaca dos restantes, por marcar o local onde pernoitei ao relento com Tatiana ou onde atingi mortalmente Igor, whatever comes first.

Pesquisar

Comentários recentes

  • caramelo

    Olha, está giro, não conhecia isso. Mais um bocadi...

  • caramelo

    Já me disseram que é tecnicamente muito bom (a ref...

  • Diogo Almeida

    Aposto, sem ver mais nada além do trailer, que é u...

  • Sarin

    Subscrito na íntegra.O comentário posterior também...

  • Lowlander

    Caro Caramelo,"Soylent Green is people!!!":)

Links

WEEKLY DIGESTS

BLOGS

REVISTAS LITERÁRIAS [port]

REVISTAS LITERÁRIAS [estrangeiras]

GUITARRA

CULTURA

SERVIÇOS OURIQ

SÉRIES 2019-

IMPRENSA ALENTEJANA

JUDIARIA

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D