Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

OURIQ

Um diário trasladado

OURIQ

Um diário trasladado

24
Mai12

Sobre o cabrão do sefardita


Eremita

 

 

O Judeu tem permanecido mal caracterizado, mas nos últimos dias a sua personalidade revelou-se através de diálogos. Quem é este gajo, apetece perguntar - enfim, apetece-me a mim perguntar: Judeu, quem és tu? "Olá, sou o Judeu, tenho setenta anos, desinteressei-me do sexo e das relações passionais em 2005, não uso computador e sei que vou falhar a máquina do movimento perpétuo, mas acredito que conseguirei desenvolver o melhor lubrificante de sempre". Infelizmente, nem inventado o Judeu consegue dar mais esclarecimentos, pelo que só sobro eu para o explicar. Uma hipótese: se Fausto Gomes é o palhaço que veicula as ideias que me envergonham mas em que deposito uma remota esperança, o Judeu é uma projecção no futuro para a pessoa que provavelmente serei caso decida mudar de vida, ou seja, um louco corajoso. O Judeu é quem mais temo e admiro no Ouriquense, um homem que, legitimado pela a convicção com que persegue a máquina do movimento perpétuo, me condena pela cobardia de não assumir o sonho e me refugiar no metadiscurso sobre o fracasso e no comentário sobre o que não faço, mas que, simultaneamente, também constitui o melhor argumento para que não mude de vida, pois não me agradaria acabar como ele e nem sequer foi preciso recorrer a golpes baixos, como dar-lhe incontinência. 

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Pesquisar

Comentários recentes

  • Anónimo

    Também tu, brutus?_____4 de Novembro de 2019.Nota....

  • Sarin

    E Cristina Miranda caberia?

  • Anónimo

    Ainda está online, Eremita, e bem que poderias abr...

  • Anónimo

    Eremita: pensava eu que o link era para as cenas d...

  • Anónimo

    chapada neles

Links

WEEKLY DIGESTS

BLOGS

REVISTAS LITERÁRIAS [port]

REVISTAS LITERÁRIAS [estrangeiras]

GUITARRA

CULTURA

SERVIÇOS OURIQ

SÉRIES 2019-

IMPRENSA ALENTEJANA

JUDIARIA

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D