Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

OURIQ

Um diário trasladado

OURIQ

Um diário trasladado

08
Set11

Filhos de Tatiana


Eremita

Wallaciana

 

Certo dia, expliquei a uma criança que era inútil tentar transferir a autoria do seu peido para outro se não houvesse pelo menos uma terceira pessoa na sala. Lembrei-me deste episódio porque o convívio apenas a dois é uma espécie de solidão por exclusão de partes; só a partir de três se alcançam os graus de liberdade necessários à eficaz gestão pública do peido e a outras rotinas, porventura mais complexas e nobres, que definem o convívio como um confronto efectivo com a solidão. Nesse sentido, é só por estes dias que abandono a condição de eremita. Em Ourique, ganhei alguns conhecidos e um amigo, mas até ir de férias o meu convívio com o Judeu fez-se sempre a dois. Não é mais assim: enquanto recolhia bagas na costa alentejana, o Fausto aproximou-se do meu amigo e agora parecem ser íntimos um do outro. Ontem dei por eles a falar de mim, numa daquelas circunstâncias - fingi que tinha adormecido no sofá depois do jantar - em que ouvimos tudo como se nos dessem por mortos. Especulavam sobre quão triste eu estaria por não serem meus os filhos de Tatiana e sobre as técnicas que empregaria para não o mostrar.

 

É verdade que não dei os parabéns a Tatiana, mas as convenções sociais existem para delas nos servirmos, não para nos sentirmos peças de uma engrenagem. Depois de pensar longamente no que sentia, concluí que era apatia. A apatia pode traduzir uma pulsão ausente ou então duas os mais pulsões que puxam para lados opostos, de tal forma que o vector resultante é nulo. Qual é a minha? Depende de onde se quer parar. 

 

Continua

Pesquisar

Pub e serviços

Screen Shot 2019-04-07 at 17.13.03.png

”Screen

Comentários recentes

  • Valupi

    Vou já tratar disso, compadre.

  • Anónimo

    Much ado about nothingOs processos são distribuído...

  • Sarin

    A presunção de inocência na mão dos presunçosos ag...

  • Eremita

    O PCP vê o mundo segundo uma luta de classes que s...

  • Anónimo

    Parece-me que a sua crítica peca por omissão. Tem ...

Links

WEEKLY DIGESTS

BLOGS

REVISTAS LITERÁRIAS [port]

REVISTAS LITERÁRIAS [estrangeiras]

GUITARRA

CULTURA

SERVIÇOS OURIQ

SÉRIES 2019-

IMPRENSA ALENTEJANA

JUDIARIA

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D