Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

OURIQ

Um diário trasladado

OURIQ

Um diário trasladado

25
Jun10

XII


Eremita

John Coplans

 

25.04.08 Acompanhar as alterações no rosto de um homem que surgem com o envelhecimento é insuficiente para descrever a sua decadência física. O rosto está sempre presente e sempre exposto, pelo que só com os amigos que reaparecem ao fim de muitos anos podemos notar as mudanças. Também as pernas e os braços preservam uma relativa juventude e até a essência do corpo juvenil, apesar dos ginásios. É entre o pescoço e o baixo-ventre, sob a roupa, que têm lugar as alterações  mais fiáveis. As mais óbvias são o aumento geral da volumetria, a mudança na qualidade da carne e da pele, os peitorais que se fazem mamas e o adeus dos abdominais que a barriga soterrou. Dêem-me um cadáver decapitado e de membros decepados e acertarei na idade do morto com um erro 3 anos. Mas feita a orografia do tronco, sempre sobra algo difícil de cartografar, que nenhuma lipoaspiração, nenhuma dieta, nenhum treino é capaz de retardar, talvez por estar tão fundo, não no corpo, antes na escala de complexidade. Um corpo é um conjunto de sistemas, que são um conjunto de órgãos, que são tecidos, que são células, que são organelos, que são moléculas, que são átomos, que são partículas. Vamos morrendo algures entre as células e as moléculas, e o tronco é o monitor que disso nos vai dando conta, como se Deus tivesse equipado cada homem com um poderoso microspópio electrónico e todas as manhãs o confrontasse com o seu destino final. Perto disto, as rugas do rosto são uma consolação.

 

 

 

Pesquisar

Pub e serviços

Screen Shot 2019-04-07 at 17.13.03.png

”Screen

Comentários recentes

  • Lowlander

    Pontos previos:1 - O Henrique Pereira dos Santos e...

  • João Leal

    Muito interessante. Obrigado.

  • caramelo

    Tem o seu fascínio, sim, num sentido perverso. Tem...

  • caramelo

    Que é evidente para ti, resulta da tua interpretaç...

  • Anónimo

    Confesso que me sinto fascinado por aquela prosa p...

Links

WEEKLY DIGESTS

BLOGS

REVISTAS LITERÁRIAS [port]

REVISTAS LITERÁRIAS [estrangeiras]

GUITARRA

CULTURA

SERVIÇOS OURIQ

SÉRIES 2019-

IMPRENSA ALENTEJANA

JUDIARIA

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D