Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

OURIQ

Um diário trasladado

OURIQ

Um diário trasladado

10
Mai10

Contra a corrente


Eremita

Devo ser o único português a não apreciar as crónicas de Ricardo Araújo Pereira (RAP) na revista Visão. Para que nos entendamos: as crónicas não são más. RAP é incapaz de fazer alguma coisa má; até quando Odete Santos lhe deu um demorado raspanete num programa televisivo de grande audiência, cenário que é da ordem do pesadelo, ele conseguiu ouvir a ex-deputada com uma expressão facial de enorme integridade. RAP é um homem decente, inteligente, culto, corajoso, divertido, imaginativo, bonito e alto. É esse o problema. Ao pé de RAP, as crónicas de RAP fazem fraca figura. Consigo perceber a tentação do humorista de reduzir esse nobre género que é a crónica a um combinado de parágrafos invariavelmente rematados com uma punchline - só pode ser deformação profissional de alguém que escreveu tantos sketches. Mas perceber não é tolerar e as crónicas de RAP sabem quase sempre a pouco. Não são criativas, porque tresandam a técnica e porque RAP prefere movimentar-se no universo das ideias, o que é um problema para um homem de esquerda, pois a visão de esquerda, sendo a correcta, é necessariamente aborrecida. É claro que sai um produto enxuto e por vezes um produto muito bom (sobretudo quando ele usa a linguagem como matéria-prima). Mas são textos que respiram mal, em que nunca se sente a longa arcada capaz de transportar o leitor numa viagem,  da primeira à última palavra. RAP não se transcende na crónica e a literatura existe para que um homem se transcenda.

3 comentários

Comentar post

Pesquisar

Pub e serviços

Screen Shot 2019-04-07 at 17.13.03.png

”Screen

Comentários recentes

  • Valupi

    Vou já tratar disso, compadre.

  • Anónimo

    Much ado about nothingOs processos são distribuído...

  • Sarin

    A presunção de inocência na mão dos presunçosos ag...

  • Eremita

    O PCP vê o mundo segundo uma luta de classes que s...

  • Anónimo

    Parece-me que a sua crítica peca por omissão. Tem ...

Links

WEEKLY DIGESTS

BLOGS

REVISTAS LITERÁRIAS [port]

REVISTAS LITERÁRIAS [estrangeiras]

GUITARRA

CULTURA

SERVIÇOS OURIQ

SÉRIES 2019-

IMPRENSA ALENTEJANA

JUDIARIA

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D