Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

OURIQ

Um diário trasladado

OURIQ

Um diário trasladado

18
Ago08

Maik e Rosy


Eremita

Na sexta fui ver Maik e Rosy ao cineteatro. Estava menos de meia casa, mas Maik é um bom mágico. Não consegui adivinhar-lhe um único truque, excepto quando fez aparecer pombas, porque é difícil reduzi-las a duas dimensões sem pinga de sangue. Rosy é uma partenaire triste, o que acaba por beneficiar o espectáculo. Imagino-os casados. Quis o acaso que Maik me chamasse ao palco e na minha apresentação pública à vila tive um segundo de hesitação antes de inventar um nome falso. Se excluirmos a progressiva degenerescência da minha assinatura, foi a primeira vez que acusei um problema com a identidade e pergunto-me se não terá sido um turning point. Veremos. Maik perorou a seguir sobre a diferença entre iludir com truques e iludir por sugestão. Se o percebi bem, no truque temos a nítida noção de que estamos a ser enganados e na sugestão o engano é tão profundo que seríamos capazes de jurar pela acuidade dos nossos sentidos. A distinção vale para o ilusionismo, para a ficção, enfim, para a vida em geral. 

 

Ao palco subiu comigo uma rapariga ucraniana. Chama-se Tatiana, admitindo que não fez como eu. Pareceu-me muito tímida. Não olhou para a plateia, nem para Maik, nem para mim, apenas para Rosy, que não chegou a retribuir-lhe o sorriso. Quem sorriu muito foi o homem para junto de quem Tatiana voltou. Maik, um animal de palco, topou o óbvio e dois números volvidos estava a chamar esse homem ao palco. Apesar de não falar português tão bem como Tatiana, mostrou grande à-vontade e tentou até uma piada. Chama-se Igor  - ainda disse o apelido, que me escapou. Creio que também Tatiana e Igor estão casados.

Pesquisar

Comentários recentes

  • Anónimo

    RFC2 DE JUNHO DE 2020 ÀS 17:12Valulupizinho, porra...

  • Anónimo

    2/2LENA ENGENHARIA E CONSTRUÇÕES, SA, pela prática...

  • Anónimo

    Quem tramou José Sócrates? Nós todos (Ep11, onze!,...

  • caramelo

    Leitor, eu quando li "insinuação" pensei que por l...

  • Anónimo

    Não vou alimentar uma discussão que nasce de um ma...

Links

WEEKLY DIGESTS

BLOGS

REVISTAS LITERÁRIAS [port]

REVISTAS LITERÁRIAS [estrangeiras]

GUITARRA

CULTURA

SERVIÇOS OURIQ

SÉRIES 2019-

IMPRENSA ALENTEJANA

JUDIARIA

Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D